Pirineus (parte 2)- Andorra

O hotel foi uma triste alegria….
Estava cheio de turistas portugueses, que falavam alegremente das suas aventuras de reformado com os empregados de mesa, que eram portugueses, ou com a rapariga da recepção, que tambem era portuguesa. Até o cozinheiro, que fez o obsequio de se preocupar com a satisfação dos comensais, era um declarado Alentejano de Borba!
Sinceramente não estava com pachorra para tanta alegria lusitana, por isso tratei de jantar e tomar o café na cafetaria:

-Un Cortado con la leche del tiempo!
-Si Senhor!- mas aquilo suou mais a (-Sim senhore!)
Queres ver que este é portugues?
-Tu de donde vienes!?- perguntei- Eres Portugues o qué?
-Si, da ciudad do Porto!- respondeu num explicito “portunhol”…
-Muy bonita la cuidad si señor!- e quando este se dispunha a falar da sua beleza barroca… -Cuanto le debo?
-Um euro e medio!- mas não lhe dei oportunidade, pois o dinheiro ja estava no balcão e eu já me dirigia aos quartos.

Não tenho nada contra os turistas ou imigrantes portugueses, eu mesmo sou um imigrante. Mas não estava com pachorra para estar a comentar de donde era, como vim cá parar e que fazia em Andorra.
Ao passar pela porta de entrada reparei que já chovia, coisa normal nas tardes pirinaicas de fim de verão.
Sai para ver o ambiente, beber mais um café e ver os cús das Andorranas!

A manhã levantou-se cinzenta, o ceu estava coberto por uma nevoa que fazia pensar que iria chover a qualquer momento.
Pequeno almoço tomado, Dorothy com os cavalos quentes, telemovel a servir de GPS e bota lá então!

image

Andorra, encontra-se situada nos Pirineus, tendo practicamente os seus limites a Bacia Ideografica do Gran Valira, com um area que não chega aos 500km2.Tem dois chefes de estado e um regime democratico que funciona tendo em conta os 6 “destritos” que compõe o seu territorio. Mas deixemo-nos de tretas…
O que de melhor Andorra tem são as montanhas!
As montanhas e as curvas que temos que fazer para lá chegar!

image

E é aí que eu quero chegar!
Hoje o objectivo é fazer quase todas as estradas andorranas, que conduzem na maioria às estações de Sky, ou sku (depende da preferencia) que existem em quase todas as partes do territorio.

image

Por casualidade, pura e simples coincidencia, visitava Andorra em vesperas do Campeonato Mundia de BTT e de uma das etapas de montanha da Vuelta Ciclista a España!
Aqui está Dorothy, à entrada do Padock onde se concentravam os ciclistas do campeonato de BTT.
Visto isto, para elém da estrada estar meio molhada, meio seca, era prudente contar com a presença dos inumeros fans ciclistas, tanto dos velocistas como dos gajos do mato, o que aconselhava a ter mais cuidado em estradas que há priori estariam meio desertas.

image

Mas quase tudo foi esquecido quando comecei a ver paisagens como esta!

image

E a fazer estradas como esta!

image

O sol começava a raiar e tinha esperança de que secasse a estrada para um deleite superior!

image

Ja acima dos 1800m a paisagem só é habitada por animais, os seus pastores e os postes dos teleféricos que elevam os esquiadores para as pistas.

image

Quando o asfalto acabou o GPS indicou de que tinha acabado de entrar em território espanhol.
Estava a 2000m de altitude.

image

Ao longe este senhor equestre convenceu-me a não avançar. Era suposto que depois desse houvessem mais e o seu comportamento pode não ser o desejavel. Não convem ter que ajustar contas com algum cavalo cansado de puxar alguma carroça e que se queira vingar em mim.

image

Montanhas e curvas…….
Que mais podemos ter!?

image

Uma mota bonita!

image

E mais uma cota de 2000m no lombo!

image

Aqui, a quase 2600m, chovia uma chuva molha tolos!
Mas descer valeu bem a pena!

image

A estrada já estava quase totalmente seca e as curvas gritavam por nós!

image

Descemos até Ordino, para desviar à esquerda e subir o Alto de Ordino nas vesperas dos escaladores de la Vuelta!

image

Não podemos simplesmente resitir!
Paramos para gravar esta paisagem.

image

E pronto!
Em quatro horas apenas percorremos as estradas de montanha mais importantes de Andorra, estando a mais de 2000m de altitude por 4 vezes e guardando o mitico Pas de la Casa para amanhã!
Agora era altura de ir vitaminar e conhecer o pior de Andorra!

image

O pior de Andorra como se diz! Estas extensas zonas comerciais são o pulmão do principado. Nele podemos encontrar de tudo, ou quase tudo, a preços teoricamente convidativos.

image

Este é centro de Andorra la Vella, onde cada edificio é um Hotel e cada armazem um centro comercial donde os desportos de inverno predominam. Mas para nós motociclistas também há muita oferta!

image

Que o diga esta montra!
Pobre desgraçado que ficou sem a Vespa!
É o que eu digo!
Para um homem ter problemas na vida, basta ter uma mulher!

image

Dois exemplos claros de que tambem existem motos para as mulheres…

image

O Gran Valira!
Este tudo o que esta a volta deste rio é Andorra!

image

Eu a vestir um casaco que teoricamente tinha roubado!
Como era Verão e saí de casa à pressa, não me lembrei de trazer um casaco ligeiro para um dia encoberto!
Entrei numa loja da Pull&Bear e comprei um casaco para o desenrasque:
-Tire-lhe as etiquetas e tal que levo-o já vestido- e a rapariga assim o fez.
Tirou tudo menos o alarme.
Paguei e apressei-me a sair, e à saida o alarme tocou, mas nunca pensei que fosse por minha culpa. Ninguém veio a correr atras de mim nem nada….
Só depois, mais tarde, já em Zaragoza é que reparei que o pin do alarme ainda ali estava posto.
Desloquei-me a uma loja da Pull&Bear com o Ticket e o funcionario prontamente retitrou o dito cujo!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s